XI Seminário de Pesquisa | III Seminário de Dissertações em Andamento | Semana de Iniciação Científica de Letras

Autor(a):

O XI Seminário de Pesquisa | III Seminário de Dissertações em Andamento | Semana de Iniciação Científica de Letras aconteceu entre os dias 18 e 20 de setembro de 2019 na Uniandrade Campus Cidade Universitária.

No dia 19 houve programação das 09h às 22h em virtude da Semana de Iniciação Científica de Letras, que envolveu os alunos do curso de graduação em Letras da Uniandrade para apresentarem pesquisas desenvolvidas em trabalhos de conclusão de curso e/ou trabalhos de iniciação científica institucional.

O evento contou com ampla participação da comunidade acadêmica, incluindo alunos de graduação e pós da Uniandrade e outras instituições, pesquisadores, alunos e professores de educação básica e demais interessados no tema Convergência, Interdisciplinaridade e Ensino de Literatura.

A palestra de abertura, ministrada por João Cezar de Castro Rocha, abordou um novo modelo teórico que despertou grande interesse por parte dos alunos do Mestrado em Letras da Uniandrade, modelo este que inspirou novas pesquisas a serem desenvolvidas sobre as confluências entre as obras de Machado de Assis e William Shakespeare.

 

As palestras de Eliane Debus, professora da Universidade Federal de Santa Catarina, e Christian Schwartz, tradutor da Companhia das Letras também despertaram o interesse do público.

A programação do dia 19 de tarde contou com várias mesas redondas sobre os temas do evento, bem como com a participação de Marisa Martins Gama-Khalil, da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e Renata Philippov, da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), em mesa sobre a obra de Edgar Allan Poe. O evento teve a participação de Eliane Galvão Ribeiro Ferreira, da Universidade Estadual Paulista (UNESP-ASSIS), em mesa sobre ensino de literatura, e Ana Cláudia Munari Domingos (UNISC), em mesa sobre intermidialidade.

No dia 20 houve um minicurso com Hans Ulrich Gumbrecht, de Stanford University sobre os leitores não-profissionais de literatura e seus desafios. A atividade teve ampla participação da comunidade acadêmica, totalizando mais de 100 participantes. A escola estadual Maria da Luz Furquim, de Rio Branco do Sul, enviou um grupo de 45 alunos do curso de formação docente acompanhadas pela coordenadora, para assistir ao minicurso. Trata-se, portanto, de evento internacional com índices de nacionalização, considerando a presença não apenas de público da referida escola, mas de professores e alunos de outras instituições nos debates realizados com o professor Gumbrecht após o minicurso.

Houve reunião com o Grupo de Pesquisa Teoria Literária e Crítica Cultural, coordenado pela Profa. Dra. Ângela Maria Rubel Fanini, pertencente ao corpo docente do Mestrado em Letras da Uniandrade. A reunião trouxe um debate sobre o ensino de literatura, com interação entre o professor Gumbrecht, professores do Mestrado em Letras, e professores e alunos de outras instituições. Durante o debate surgiram sugestões de nomes de convidados para o próximo seminário, bem como possibilidades de articulação de redes de pesquisa sobre o ensino de literatura. Nova oportunidade para debates aprofundados surgiu em mesa-redonda na qual Gumbrecht, João Cezar de Castro Rocha e a profa. Greicy Bellin debateram o tema convergência na teoria literária, despertando grande interesse do público.

A importância do evento reside não apenas na internacionalização, caracterizada pela vinda de Hans Ulrich Gumbrecht, professor emérito de Stanford University e um dos maiores teóricos de ciências humanas da atualidade, mas na interação entre pesquisadores de diversos níveis e na participação de alunos de graduação, pós-graduação e professores de escolas públicas.

Esta foi a segunda vez que Hans Ulrich Gumbrecht esteve na Uniandrade. Em setembro de 2018, o professor esteve no campus Santa Quitéria para a conferência de abertura do X Seminário de Pesquisa II Encontro Internacional VII Jornada Intermídia. O evento contou com mais três palestrantes de renome internacional e uma palestrante de origem africana, Isabel Vicente Ferreira.

O Mestrado em Teoria Literária da Uniandrade foi avaliado com conceito 4 na última avaliação da CAPES e possui quatro linhas de pesquisa: Literatura e Intermidialidade, Escrita Criativa, Poéticas do Contemporâneo e Políticas da Subjetividade. O curso conta com 13 professores, muitos deles com publicações no exterior e com atuação expressiva em suas áreas de pesquisa.

O edital do processo seletivo encontra-se aberto!

 

 

#insta
#facebook
Uniandrade © 2019