Análise e Desenvolvimento de Sistemas
Análise e Desenvolvimento de Sistemas
Análise e Desenvolvimento de Sistemas
Análise e Desenvolvimento de Sistemas
O CURSO

O curso superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas forma profissionais capacitados a atender o mercado da tecnologia, focados no desenvolvimento e análise de softwares, modelagem de sistemas e gestão de projetos.

Os tecnólogos Analistas de Sistemas formados pelo Centro Universitário Campos de Andrade – UNIANDRADE estão aptos a analisar, projetar, documentar, especificar, testar, implantar e manter sistemas de informação. Dominam a linguagem de programação e têm expertise em segurança em bancos de informação.

As atividades práticas têm ênfase nos requisitos do mercado, visando às competências do profissional Analista de sistemas.

A organização curricular é composta por módulos que certificam habilidades técnicas intermediárias, desde que concluído. Ou seja, a cada semestre o aluno tem uma certificação do módulo, o que garante atuar como técnico naquela habilidade.

COMPETÊNCIAS
  • Aplicação eficiente dos princípios de gerenciamento de software, organização e busca de informações.
  • Eficiência na operação de equipamentos computacionais e sistemas de software.
  • Capacidade de iniciar, projetar, desenvolver, implementar, validar e gerenciar qualquer projeto de software.
  • Capacidade de atuar profissionalmente com ética e de maneira sustentável, sempre avaliando o impacto de suas atividades no contexto social e ambiental.
  • Visão sistêmica da área de computação.
  • Competência para identificar, analisar e documentar oportunidades, problemas e necessidades passíveis de solução via computação.
  • Sistematizar soluções para os universos organizacionais.
  • Capacidade de abstração para desenvolver as atividades de programação, projeto e modelagem de sistemas.
  • Compreensão da importância de valorizar o usuário no processo de interação com sistemas computacionais.
  • Capacidade para conceber soluções inovadoras para tornar produtos competitivos.
  • Habilidade para projetar sistemas que integram software e hardware.
  • Capacidade para avaliar prazos e custos em projetos de software.
  • Competência em utilizar metodologias de desenvolvimentos de software adequadas para cada tipo de projeto.
  • Capacidade empreendedora para tornar-se empresário ou trabalhar com Start-ups.
ÁREA DE ATUAÇÃO
  • Prestação de Serviços: consultor autônomo em empresas que prestam serviços em TI.
  • Analista de Suporte: atua na manutenção de hardwares (parte física), como parques computacionais, infraestrutura de rede e integração entre hardware e software.
  • Analista de Sistemas: arquiteta, desenvolve, implementa, testa e evolui sistemas de software.
  • Negócios: participa de reuniões e especifica casos de uso do produto que irá criar. Por isso, é necessário que haja visão empreendedora por parte do Analista de Sistemas.
6 MOTIVOS PARA FAZER ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS NA UNIANDRADE

1. A UNIANDRADE está entre as melhores instituições do Brasil, recredenciada em 2015 pelo MEC, em uma escala de 0 (zero) a 5 (cinco), com a nota 4 (quatro);

2. A matriz curricular do curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas foi projetada de forma flexível para atender as mudanças contínuas da área de tecnologia da informação e aos requisitos do MEC;

3. O corpo docente do curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas é formado por profissionais especialistas na área de atuação com mestrado e doutorado na área de TI e/ou nas áreas afins;

4. O curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas possui modernos laboratórios de informática com bancada para notebooks e salas de aula com Wi-Fi;

5. A UNIANDRADE possui programa de bolsas de estudo de até 40% de desconto aos alunos de graduação e de até 50% para os ex-alunos que desejam continuar seus estudos na pós-graduação;

6. A coordenação de Análise e Desenvolvimento de Sistemas tem como princípio básico manter um bom relacionamento com discentes e docentes. Nesse sentido, vê a comunicação como um de seus alicerces para manter continuamente a qualidade do curso e da formação dos seus alunos. Assim, acreditando em um diálogo amigável e prazeroso entre as partes no processo educacional, promove, além do velho e bom bate-papo presencial, a tecnologia móvel, as redes sociais e outros apps no seu processo de comunicação.

Empreendedorismo, pesquisa e mercado de trabalho são os três pilares que regem o curso e impactam na formação de nossos alunos. O principal objetivo do curso é trazer para o aluno uma educação de qualidade, atualizada com as tendências do mercado.
Edgar Cabral

Lattes: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4276671E3

Prof. Edgar de Oliveira Cabral Filho

MÓDULO I – FORMAÇÃO HUMANÍSTICA
Criatividade e inovação
Ética profissional
Economia e cenários globalizados
Bases mercadológicas da tecnologia da informação
Leitura e produção de texto
Administração das organizações

MÓDULO II – TÉCNICO EM REDES E SEGURANÇA
Arquitetura e organização de computadores
Redes de computadores
Inglês instrumental
Sistemas operacionais
Sistema de informação e segurança
Estudos antropológicos e sociológicos
Educação para as relações étnico-raciais

MÓDULO III – PROGRAMADOR JUNIOR
Disciplina carga
Horária
Engenharia de software
Banco de dados
Linguagem de programação estruturada
Linguagem de programação orientada a objetos
Lógica matemática
Políticas públicas e meio ambiente

MÓDULO IV – GESTOR EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO
Gestão de projetos
Gestão de pessoas
Governança em ti
Plano de negócio
Business intelligence
Empreendedorismo

MÓDULO V – DESENVOLVEDOR DE SISTEMAS
Tópicos especiais em analise e desenvolvimento de sistemas
Estrutura de dados
Linguagem de programação mobile
Linguagem de programação web
Projeto final
Ergonomia e qualidade de vida

compartilhar